Pai é preso acusado de forçar filho de 11 anos a consumir cocaína no litoral de São Paulo


Um homem de 42 anos foi preso na madrugada desse domingo (10), em Praia Grande (71 km de São Paulo), por forçar seu filho, de 11 anos, a usar cocaína. De acordo com informações do boletim de ocorrência, registrado na delegacia sede da cidade, o homem chegou a um posto de combustível, localizado na Vila Caiçara, dizendo que usaria a droga ali mesmo, e que seu filho também faria uso da substância.

Em seguida, segundo um funcionário do posto que diz ter testemunhado a cena, o homem depositou o pó da droga sobre um cartão telefônico, fez uso na frente de todos que estavam no local e, em seguida, obrigou seu filho a consumi-la. Ainda de acordo com a testemunha, o homem também ameaçou o garoto, dizendo que, caso ele não o obedecesse, iria “quebrar a sua cabeça e lhe bater muito”.

A polícia foi acionada e, chegando ao local, enfrentou resistência do acusado, que se mostrou ainda mais agressivo. Os policiais encontraram com o homem três papelotes de cocaína contendo cerca de cinco gramas no total. Ele foi preso em flagrante, sem direito a fiança, por posse de entorpecente, oferecimento e indução ao uso indevido de droga e por consumo de droga em local de trabalho coletivo.

O crime ainda foi agravado pela violência e por envolver uma criança, no caso, o seu filho, e a pena pode chegar a até 15 anos de detenção. Na delegacia, a mãe do garoto, que foi buscá-lo e prestar depoimento, explicou que está separada do acusado há dez anos e que havia deixado o menino na casa dos avós paternos para passar o fim de semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário