Explosão de meteoro deixa mais de 1.000 feridos na Rússia


Um funcionário local do Ministério de Emergências disse que o incidente pode estar relacionado à passagem de um asteroide pelos arredores da Terra, na sexta-feira, mas um astrônomo da Academia de Ciências da Rússia, Sergei Barabanov, duvidou disso. Segundo ele, não há indícios que amparem a teoria de que o meteoro viajava acompanhando o asteroide, ou que tenham se soltado dele.

Pelo Twitter, a Agência Espacial Europeia também afirmou que seus especialistas não viram relação entre os dois fatos.

O governador regional de Chelyabinsk disse que a chuva de meteoritos causou danos superiores a 30 milhões de dólares, e, de acordo com o Ministério das Emergências, cerca de 300 edifícios foram afetados.

Um pedaço atravessou o gelo que cobria o lago Cherbakul, perto da cidade, deixando um buraco com vários metros de diâmetro.

Apesar dos alertas para que as pessoas não se aproximem de objetos não-identificados, moradores empreendedores já tentam faturar.

"Vendendo meteorito que caiu em Chelyabinsk!", oferecia o vendedor Vladimir num popular site russo de leilões. Ele anexou uma foto de uma pedra preta, e na sexta-feira à tarde o valor chegava a 1.488 rublos (49,46 dólares).

(Reportagem adicional de Gabriela Baczynska em Moscou)

Fonte: http://br.reuters.com/article/topNews/idBRSPE91E06C20130215?pageNumber=2&virtualBrandChannel=0

Nenhum comentário:

Postar um comentário