PM reage a 'saidinha' de banco e mata homem no centro de SP


Um policial militar matou um homem por volta das 13h de ontem após reagir a um assalto na praça da República, centro de São Paulo.

O PM de 46 anos afirmou que dois homens o seguiram até um edifício comercial depois que ele sacou R$ 1.500 em uma agência bancária na rua Barão de Itapetininga.

Segundo o policial, um dos homens anunciou o assalto no saguão do prédio. O policial reagiu e acertou com um tiro um dos suspeitos, que estava armado. O outro conseguiu fugir. Um terceiro suspeito, que estava próximo a entrada do prédio, foi preso por Policiais do 7º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano.

Esse crime é conhecido como 'saidinha' de banco --geralmente os bandidos usam informações privilegiadas para abordar as vítimas próximo às agências onde fizeram saques.

A ocorrência foi apresentada na 1ª Central de Flagrantes, no centro. O suspeito detido foi indiciado sob suspeita de roubo consumado.

O caso será investigado pelo DHPP (Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa).

Nenhum comentário:

Postar um comentário